top of page
  • Wiliam e o Mundo

Brasil e Japão celebram nova era para o turismo


Quebra Cerimonial do Barril de Saquê | Foto: Embaixada do Japão

A um mês da aguardada efetivação da isenção de vistos para brasileiros e japoneses, a Embaixada do Japão no Brasil ofereceu um evento para comemorar e promover o turismo entre os dois países. A cerimônia foi realizada na quinta-feira (31/8), na residência oficial do embaixador em Brasília, e contou com a presença de autoridades, representantes do setor do turismo, e convidados da imprensa.


A dispensa da exigência do visto de curta duração é uma conquista simbólica alcançada no ano em que se comemora o 115º aniversário da imigração japonesa no Brasil. Considerados um pilar da amizade histórica entre Brasil e Japão, familiares de imigrantes estão entre os maiores beneficiados pela medida: estima-se que mais de 2 milhões de descendentes de japoneses vivam no Brasil, a maior comunidade Nikkei fora do Japão. O país nipônico, por sua vez, abriga hoje aproximadamente 210 mil brasileiros.

Ministro TOYODA | Foto: Embaixada do Japão

“Estamos satisfeitos com o fato de que, a partir do final de setembro, os cidadãos de ambos os países poderão visitar o Japão e o Brasil sem a necessidade de obter um visto, e esperamos muito que o intercâmbio seja ainda mais estimulado”, ressaltou TOYODA Toshiro, Ministro de Estado da Terra, Infraestrutura, Transportes e Turismo do Japão.


Em 2019, antes de as restrições sanitárias afetarem o turismo internacional, o número de turistas brasileiros no Japão chegava ao seu sexto ano consecutivo de crescimento, com 47,5 mil visitantes escolhendo o país como destino de viagem no período. No entanto, o número representa apenas uma pequena fração dos quase 32 milhões de estrangeiros recebidos no Japão naquele ano.

Embaixador japonês HAYASHI | Foto: Embaixada do Japão

O governo japonês espera que a isenção de visto inspire mais brasileiros a conhecer o Japão, ampliando as perspectivas de relações econômicas, humanas e culturais entre as nações. “Há ainda um grande potencial de intercâmbio entre os dois países no campo do turismo”, afirmou o embaixador HAYASHI Teiji, destacando o papel de todos como “embaixadores do turismo”. “Acreditamos que é da maior importância reunir o poder das partes interessadas, tanto japonesas quanto brasileiras”, completou.


Celso Sabino, ministro do turismo do Brasil, ressaltou o entusiasmo do governo brasileiro com a ampliação das relações comerciais entre os dois países, esperada com o aumento do fluxo de turistas. “Desejo, em nome do governo brasileiro, vida longa a essa relação de amizade, de fraternidade, entre o povo japonês e o povo brasileiro”, afirmou Sabino.


Também estiveram presentes no evento Marcelo Freixo, Presidente da Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur); Laudemar Gonçalves de Aguiar, Secretário de Promoção Comercial, Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura do Itamaraty; e os deputados federais Kim Kataguiri, Odair Cunha e Marx Beltrão.

Autoridades | Foto: Embaixada do Japão

Isenção

A iniciativa japonesa de isentar brasileiros do visto de turismo é um compromisso assumido pelo primeiro-ministro KISHIDA Fumio em maio passado, na ocasião da participação do presidente Lula na cúpula do G7, em Hiroshima. A medida, que vale para viagens de até 90 dias, foi anunciada pelo governo do Japão em 10 de agosto, e entra em vigor em 30 de setembro.


Com a isenção inédita do lado japonês, o governo brasileiro anunciou que também manteria a dispensa de exigência de visto para japoneses que visitam o Brasil, em vigência desde 2019. Desta forma, pela primeira vez na história dos dois países, os nacionais de ambos os países poderão transitar livremente como turistas entre Brasil e Japão, portando apenas o passaporte comum.


*informações Embaixada do Japão

Comments


bottom of page